Acerca do “Homem Macaco”...

"Infinito e o número de estultos" (Sagrada Escritura).

A. Alvarães
20 de março de 2013
Homem Macaco
Vede, prezadíssimos leitores, às conclusões a que poderíamos chegar se fôssemos adeptos ou filiados no "partido" de Darwin! Pois, então, se o homem vem do macaco, tal como dizem e querem...
...pois macaco é, macaco foi, macaco será! Bonito não é? Se, no entanto, por obra de ironia e prosopopeia, fosse a asserção virada em metáfora, até poderíamos chegar a acordo relativo... É a situação de alguém que nos pede conselho para encontro com amigo. Se for caso disso e tratando-se de pessoa não muito recomendável pelos seus hábitos e costumes ou pela sua minguada educação, certa mente o recomendaría mos pelo conhecimento que dele temos: Olhe, F. é arrogante, invejoso, mistificador, manhoso, velhaco, por palavras e obras tenta iludir a sua imagem verdadeira, etc., etc. ... E, resumindo tudo numa só pa lavra, concluiría mos: "Olhe, F. é um... "macaco"! Poderíamos ser mais suaves, chamando-lhe "tratante", mas preferimos conceder-lhe as honras... "macacais"...

Ora, no tocante à criação do HOMEM, é outra a questão, pois o que pretendem os "Sem-Deus" é negar a Sua existência e, principalmente, que haja sido DEUS o Criador e Ordenador do Universo e de tudo quanto nele se contém! E, para essa gente, o pior de tudo foi o aparecimento do ser humano à face da Terra... Uma criação especial, obra- prima do poder infinito de Deus, o Rei da Criação! Logo, neste contexto, desacreditar o ensino da Fé pela voz da Igreja: "Que o homem foi criado à 'imagem e semelhança de Deus'". Outra verdade aceitável, à luz da Fé, da Razão, da Ciência e da História, não existe... Tal "hipótese" já de há muito foi parar ao reino dos fósseis... Bastaria atentarmos, como new ton, no próprio pla neta Terra que, na perfeita sincronia e constância da rotação, tra nslação e velocidade (ta mbém uma dista ncia adequada do Sol), nos oferece precisamente o dia, a noite e as estações! A própria palavra "milagre" não consegue exprimir tamanha grandeza e perfeição, que somente uma Inteligência Suprema poderia gerar. Sábio algum, pois, aceita hoje outra explicação, senão que fora mera "hipótese" cientifica aproveitada apenas para combater a Fé, demais a mais soprada de quem lhe deu o ser e a propaganda... A lém de a repudiarem "in limine", os sábios até dela se envergonham, lamentando-se q ue, face à investigação científica, pronta sempre a desmenti-la, continuem certos arautos a conceder-lhe importância... E que, de tal modo a descrença cegue os espíritos, que se deixem iludir pela mentira, tanto mais que as escavações dos especialistas a cada passo revelam achados comprovativos favoráveis à verdade bíblica. Aliás, difícil não é de compreender o relato do GÉNESIS: Não teve por fina lidade ensinar como se pesquisa o ouro ou como se pode ir à lua! A "ciência" apenas é a Salvação que o Redentor havia de efectuar... E de maior autoridade não precisa Moisés acerca do que escrevera que as afirmações de Jesus (Mt. 5, 10)!

Muito interessado pela Bíblia, amigo nosso pediu-nos para lhe explicar como ler esse Livro, pois que até os amigos que dizem que o "homem vem do macaco" falam dele com interesse... A palavra certa que o escriba lhe recomendaria, caríssimo leitor, era que a lesse de joelhos, vendo nela o próprio Deus que falou e continua a falar... E não esquecer que os Livros, de que o texto integral se compõe, não são um documento científico, para estudo das disciplinas humanas, mas a Palavra da Revelação de Deus! E toda a obra foi escrita à altura da mentalidade e linguagem dos Hebreus...

Apenas visou a vocação que os deixe correr livremente religiosa dos homens e as para a rua?... O pecado tem certa responsabilidades que, face a semelha nça com o vinho: elas, ele têm de contrair e quanto mais alguém dele toma, assumir... Se, por exemplo, os menos consciência tem daquilo que ouvem falar em pecado se que toma. Alguns chegam a riem, desconfie logo deles! "Isso perdê-la totalmente... do pecado é... a vida!", costumam chasquear... Mas, olhe, também os canos de esgotos o são... E quem haverá que os deixe correr livremente para a rua?... O pecado tem certa semelha nça com o vinho: quanto mais alguém dele toma, menos consciência tem daquilo que toma. Alguns chegam a perdê-la totalmente...

Nunca o homem, se do macaco proviesse, poderia ostentar os privilégios que lhe ornam o corpo e o espírito: físico escorreito, apenas perturbado por deformações físicas alheias à sua natureza, causadas pela corrupção, ser inteligente, consciente e senhor de responsabilidades! O próprio direito à cidada nia, exclusivo do homem, nada tem a ver com certas "macaquices" de muitos, infelizmente!

Não há dúvida, no homem persiste uma dinâmica individual em benefício do bem-estar colectivo q ue, no reino da animalidade irracional, jamais se encontrou. E onde menos se viu foi sempre entre os ... macacos! Sabe muito bem quem andou anos a fio pelas antigas províncias ultramarinas portuguesas que, apesar de tudo, sentem saudades dos portugueses.

A dinâmica de progresso individual e colectivo, por que não procurá-la na... macacada? Ficaria, ao menos, mais barato.

Adicionar comentário

Siga-nos

Leia as últimas notícias através das redes sociais!

Receba as últimas notícias!

Enviamos via e-mail diretamente par si.

PUB
PUB
PUB
Advogados Reunidos

Instagram

Últimas nas Redes