Os partidos políticos precisam de se modernizar

Abílio Conde
6 de novembro de 2013
Votar
As eleições autárquicas do passado dia 29 do mês de Setembro, com a vitória estrondosa do PS, nas principais cidades do país, demonstraram que todos os partidos devem ser repensados...
...porque houve abstenções como nunca, muitos votos em branco ou inutilizados e bastantes independentes.

A campanha neoliberal contra os partidos abriu a porta aos mercados usurários e aos economicistas e autocratas, que só lhes interessa o dinheiro e ignoram as pessoas, que para eles não contam. É o caso do actual governo. Daí as vaias que a classe média (que está a desaparecer), os trabalhadores, desempregados, que passam fome, bem como os filhos, sempre fazem ao presidente da república e aos mais visados membros do governo. A arraia- miúda odeia o governo porque sofre directamente com os cortes nos salários e pensões e os impostos, directos ou indirectos, q ue lhes impõem com a chamada austeridade, que continua com o governo e com os chamados economicistas e com os burocratas ao seu serviço, que são os verdadeiros responsáveis pelo estado a que chegou o nosso país e pela destruição progressiva das instituições criadas no pós-25 de Abril: o Estado social, o Estado de direito, a Constituição, que todos aliás juraram e deviam respeitar (o que não tem sido o caso do actual governo), os sindicatos e a concertação social, bem como os cortes no ensino e nas nossas u niversidades e hospitais (ao serviço de todos) que vão pouco a pouco sendo destruídos. Mig uel Sousa Tavares que diz a verdade e não tem medo, escreveu: “Nunca como hoje Portugal precisou ta nto de ter estadistas e verdadeiros políticos no lugar dos caciques partidários, que tomaram o poder no PSD e no CDS”. Igualmente o cantor Carlos do Carmo fez declarações públicas dizendo muito mal deste governo PSD/CDS e entre outras coisas referiu que na última viagem q ue fez ao Ca nadá ouviu muitos imigra ntes por tug ueses afirmarem que nunca mais voltariam ao seu país de origem enquanto este governo durar o que o entristeceu muito, dando- lhe vontade de chorar. É por isso que todos os partidos devem perceber que o mundo está em rápida mudança e os partidos devem abrir-se e modernizar-se se quiserem subsistir no futuro. Os caciques, que só pensam subir na vida à custa do partido, sem valores nem pensamento próprio, têm de ser substituídos por políticos que pensem pela sua cabeça e tenham princípios éticos. É nesta base que os partidos devem modernizar-se para que os seus membros - a qualquer nível - tenham o sentido verdadeiro da sua ideologia honesta, justa e desinteressada a bem de todos.

Até ao próximo jornal, se Deus quiser.

Adicionar comentário

Siga-nos

Leia as últimas notícias através das redes sociais!

Receba as últimas notícias!

Enviamos via e-mail diretamente par si.

PUB
PUB
PUB
Advogados Reunidos

Instagram

Últimas nas Redes